SINDISCOSE
Notícias

CRQ Sergipe é condenado a pagar R$10 MIL de Dano Moral Coletivo

O Conselho Regional de Química de Sergipe foi condenado a pagar R$ 10.000,00 de Dano Moral Coletivo por punir servidores sem instaurar processo administrativo.

Em decisão unânime a segunda turma do Tribunal Regional do Trabalho de Sergipe julgou procedente o recurso do Ministério Público do Trabalho e alterou o valor da indenização de R$ 5.000,00 para R$ 10.000,00.

“No caso concreto, são judiciosos os fundamentos da sentença acima transcritos, uma vez que em se tratando o reclamado de conselho profissional, cuja natureza autárquica é assente na jurisprudência do STF, como decidido na ADI 1717-DF (Julgamento: 07/11/2002; DJ 28-03-2003), a ele deve incidir também a obrigatoriedade de instauração de procedimento prévio na apuração de penalidades a seus empregados que mesmo regidos pela CLT são submetidos a processo rigoroso de seleção para ingresso nos quadros funcional.”, diz trecho da decisão.

Clique aqui para acessar a decisão na íntegra.

Com informações de Conselhos Profissionais

Comentários
Print Friendly, PDF & Email

Relacionados

Sindiscose reitera ao CREMESE pedido para que abra negociações

SINDISCOSE

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL

Sindiscose

Sindiscose endossa Carta às Direções Nacionais das Centrais Sindicais

SINDISCOSE

Ministério do Trabalho Agenda negociação com a OAB/SE

SINDISCOSE

Sindiscose e OAB/SE assinam acordo coletivo e garantem direitos dos servidores

SINDISCOSE

QUEREM CALAR A DEMOCRACIA

Sindiscose